dedetização
portal dedetização
cadastre sua dedetizadora
anuncie sua dedetizadora
fale com o portal dedetização
 
FAQ - Perguntas e Respostas sobre as Baratas
 

- Quais os tipos de barata que encontramos no lar?
As espécies que freqüentemente encontramos dentro das residências são a Periplaneta americana (ou barata americana, de esgoto, cascuda ou voadora), a Blattella germanica (ou barata alemã, francesinha ou baratinha da cozinha), a Blatta orientalis (ou barata oriental) e a Periplaneta autralasiae (barata australiana).

- É verdade que se virarmos uma barata de cabeça para baixo ela morre?
Não. Às vezes pode fingir-se de morta para fugir de seus predadores ou caçadores.

- Porque quando a barata morre ela está virada de cabeça para baixo?
As aberturas dos órgãos respiratórios da barata se encontram na parte ventral do abdômen. Ela vira-se de barriga para cima na tentativa de respirar melhor e se recuperar da ação do veneno.

- Uma dedetização feita por empresas especializadas é melhor do que o uso de produtos encontrados em mercados?
Caso a presença de baratas seja apenas ocasional, os produtos vendidos em mercados ou varejos apresentam bom resultados. No entanto, em caso de infestações maciças, é recomendada a atuação de uma empresa especializada, a qual poderá realizar um controle integrado de insetos conhecidos como “pragas urbanas”, tomando medidas mais adequadas à gravidade da situação.

- As baratas criam resistência com o uso de inseticidas?
As baratas não criam resistência aos inseticidas, mas o uso destes pode ajudar a selecionar entre populações mais e menos sensíveis a estes produtos. As espécies sobreviventes darão origem a linhagens mais resistentes, condição determinada por características genéticas.

- As baratas podem transmitir ou causar doenças ao homem ou aos animais domésticos?
Sim, por freqüentarem locais sujos ou que contenham dejetos, elas podem carregar, sobre o seu corpo diversos agentes nocivos tanto para o homem quanto para outros animais, tais como bactérias, vírus ou parasitas. Além disso, as baratas podem ainda causar reações alérgicas em algumas pessoas.

- Existe outro meio de matar baratas sem o uso de inseticidas?
Elas podem ser mortas com o uso de armadilhas de diversos tipos. Um exemplo é por uso de iscas com gel que contém uma substância atrativa e outra tóxica. Ao serem ingeridas pela barata provocam a sua morte.

- Quais os cuidados que devemos ter para não sermos surpreendidos por uma infestação de barata?
A melhor maneira de evitar infestações é manter limpos, tanto por dentro como por fora, os domicílios ou estabelecimentos comerciais, evitar deixar restos de alimento a mostra e não acumular lixo. Ambientes quentes, úmidos, escuros, sem ventilação e com muitas frestas podem servir como esconderijo ideal para estes insetos.

- As baratas preferem que temperatura?
A maioria das espécies vivem bem sob temperaturas em torno de 30ºC, exceto Blatta orientalis, que são encontradas em locais onde a temperatura ambiente não ultrapasse os 25ºC. A Periplaneta americana é a mais resistente ao calor, sobrevivendo por certo tempo em locais que ultrapassem os 35ºC, tais como motores elétricos.

- Além do lixo, de que mais elas se alimentam?
A barata se alimenta de qualquer tipo de matéria orgânica, incluindo restos de comida, excretas, papéis e fungos.

- A barata “mastiga”? Como é a sua digestão?
A barata não mastiga: ao encontrar um alimento secretam enzimas digestivas que dão início à “digestão” deste recurso alimentar. A “pasta” resultante é engolida e vai percorrer o seu trato digestório para que sejam aproveitados os nutrientes ali presentes.

- De quanto em quanto tempo elas soltam fezes?
Expelem as fezes sempre que se alimentam ou logo após o término da refeição.

- A barata também necessita de água?
Sim, assim como qualquer outro organismo vivo, sua sobrevivência é impossível sem a ingestão de água. No entanto, as espécies domésticas podem ser mais resistentes à escassez de água.

- A barata é um perigo em hospitais?
Sim, a presença de baratas em hospitais é preocupante, devido a sua enorme capacidade de veicular agentes causadores de doenças.

- Existe algum controle preventivo quanto às baratas?
O controle preventivo consiste em tornar o ambiente em que vivemos “desfavorável” à sua sobrevivência como evitar restos de quaisquer materiais, por exemplo, que lhes sirva de alimento, e manter o ambiente limpo e ventilado.

- Quando as baratas surgiram no planeta Terra?
Os registros fósseis indicam que as baratas devam ter surgido no período Carbonífero, há 320 milhões de anos atrás.

- Como as baratas domésticas se reproduzem?
A fêmea libera no ambiente os “feromônios” sexuais (moléculas que se traduzem em um “odor” que atraem os machos). O macho faz a corte e produz substâncias “afrodisíacas”. Desse modo, a fêmea é atraída e a cópula é iniciada pelo macho.

- Por que as baratas se proliferam tão facilmente no ambiente doméstico?
Porque são rápidas, muito férteis e têm hábitos noturnos. Se não a vimos, ficam “livres” para encontrar alimento fácil e se proliferarem sem grandes obstáculos.

As Respostas acima foram fornecidas por:
Patricia J. Thyssen - Bióloga
• Pós-graduada em Entomologia
• Pesquisadora e Professora - UNICAMP

» Voltar

 

 


Assinale abaixo as empresas e solicite um orçamento on-line

Desentupir 24h - Dedetizadora
Destar
ELO Dedetizadora
Yokada
Dedetizadoras - saiba mais sobre a biologia das pragas:
Cupim | Rato | Barata | Formiga | Pombo | Pulga | Carrapato
Mosca | Escorpião | Aranha | Dengue | Broca | Ácaro | Barbeiro | Traça
midia social portal dedetização

Acesso a Área Restrita

© Copyright 2009 - Todos os textos constantes nesse site é de propriedade do Portal Dedetização, sua cópia parcial ou total acarretará em medidas judiciais cabivéis.

Twitter Portal DedetizaçãoFacebook Portal Dedetização